Saltar os Menus

Damião de Góis: um humanista na Torre do Tombo

Damião de Góis era guarda-mor da Torre do Tombo, quando em 4 de abril de 1571, foi acusado de heresia e preso pela Inquisição. Foi há 450 anos.

Conheça um pouco mais dessa figura ímpar, do seu trabalho como guarda-mor da Torre do Tombo e veja mais alguns documentos da Torre do Tombo.

 

Veja aqui a apresentação

Descarregue aqui o pdf

Descarregue aqui o pdf

Descarregue aqui o pdf

Leia aqui o Episódio dramático da Inquisição portuguesa sobre Damião de Góis, pelas palavras do guarda-mor, António Baião

 Veja também as exposições virtuais

Inquisição de Lisboa online

Padre António Vieira nos cárceres da Inquisição

Dia Nacional da Memória das Vítimas da Inquisição

Extinção do Tribunal do Santo Ofício e da Inquisição

Descubra mais na Torre do Tombo…

  • Processo de Damião de Góis. Portugal, Torre do Tombo, Tribunal do Santo Ofício, Inquisição de Lisboa, proc. 13311.
  • Processo de Damião de Góis. 1571-02-06 / 1572-12-19.Portugal, Torre do Tombo, Tribunal do Santo Ofício, Inquisição de Lisboa, proc. 17170.
  • Ofício do Ministério do Reino ao guarda-mor interino do Arquivo a informar o requerimento de José Fernandes Lopes, que pede para extrair do dito Arquivo uma cópia do processo, na Inquisição de Lisboa, contra Damião de Góis.1855-06-28. Portugal, Torre do Tombo, Arquivo do Arquivo, Avisos e Ordens, mç. 25, n.º 149.
  • Portaria do governo ao guarda-mor interino do Arquivo permitindo a José Fernandes Lopes extrair do dito Arquivo, uma cópia do processo na Inquisição de Lisboa contra Damião de Góis.1855-07-04. Portugal, Torre do Tombo, Arquivo do Arquivo, Avisos e Ordens, mç. 25, n.º 153.
  • Carta de Miguel de Moura a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, na qual lhe dizia que tendo António Galvão chegado no dia anterior poderia tornar a levar o que trouxera e pedindo-lhe que lhe dissesse em quanto importavam as cópias das crónicas para o participar ao rei. Portugal, Torre do Tombo, Colecção de cartas, Núcleo Antigo 878, n.º 205.
  • Provisão do rei D. Sebastião pelo qual mandava a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, que desse a Sebastião Mendes, seu amo e guarda-roupa, o traslado da instituição de uma capela fundada por Vicente André e Elvira Anes, sua mulher, na vila de Viana a par de Évora, assim como o traslado de uma doação que segundo se dizia D. Afonso V fizera da dita capela a Álvaro Falcão no ano de 1449, ou a respectiva certidão negativa, a fim do que o dito Sebastião Mendes pudesse apresentar os ditos documentos numa demanda que trazia com Lourenço Pantoja sobre a administração da mesma.1567-09-06.Portugal, Torre do Tombo, Colecção de cartas, Núcleo Antigo 878, n.º 297.
  • Alvará da rainha D. Catarina para Álvaro Lopes, dar a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, 7 côvados de pano de Londres, uma escrevaninha dourada e uma bolsa com tentos que a dita senhora lhe dá todos os anos. 1557-02-23. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 100, n.º 119.
  • Ordem do duque de Aveiro para o guarda-mor da Torre do Tombo Damião de Góis lhe dar certas certidões em virtude de um alvará que tinha para o dito fim.1560-09-18. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 104, n.º 44.
  • Carta do rei D. Sebastião para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, despejar o quarto que ocupava nos Paços de Alcáçova com a maior brevidade possível, por determinar habitar o dito Paço e que escrevia a Lourenço de Sousa para lhe mandar dar outras casas na mesma cidade.1569-04-27. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 108, n.º 129.
  • Carta do rei para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, passar os papéis que lhe entregara o secretário Pêro de Alcáçova Carneiro visto a Torre estar cheia, para a câmara do rei D. Fernando no paço da Alcáçova, para se depositarem as cerca de sessenta caixas de documentos. 1569-07-26.Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 108, n.º 134.
  • Carta do rei D. Sebastião para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, ordenando-lhe que tendo já achado entre os papéis, que lhe entregara Pêro de Alcáçova Carneiro, o livro do estilo das cartas que o mesmo senhor escrevia aos reis, príncipes, pessoas de título e outros, lho remeter logo com o traslado dos regimentos das alçadas que se passaram quando o infante D. Luís foi à comarca do Alentejo e dos que levou Jorge da Silveira, que o rei D. Manuel mandou com outra alçada. 1569-10-17. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 108, n.º 138.
  • Carta do rei D. Sebastião havendo em serviço a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, o cuidado que tinha no exame dos papéis que lhe entregara Pêro de Alcáçova Carneiro esperando do seu zelo o continuasse com tanta diligência, que brevemente se acabasse este negócio conforme o que lhe ordenara.1569-11-22. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 108, n.º 140.
  • Carta de Miguel de Moura para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, lhe mandar o traslado das cartas do escrivão da puridade passadas a D. António, conde de Linhares, também ao bispo de Viseu D. Miguel da Silva para Sua Majestade ver.1570-11-28. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 109, n.º 31.
  • Carta de Miguel de Moura para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, mandar trasladar os contratos das demarcações deste reino com o de Castela para se entregarem ao meirinho-mor. 1570-12-02. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 109, n.º 32.
  • Carta de Damião de Góis e outros feitores da Flandres para o rei, dando-lhe conhecimento que a gente do imperador, que estava em Nápoles, advertidos da mortandade dos franceses saíram a campo e os desbarataram.1515-10-02. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 18, n.º 111.
  • Carta de Damião de Góis e feitores da Flandres para o rei sobre a guerra que o duque de Geldres fazia naquele Estado. Era aliado da França e causava grande prejuízo nas mercadorias, por não poderem passar nas suas fronteiras. 1515-10-14. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 19, n.º 12.
  • Carta de Rui Fernandes e Damião de Góis dando parte ao rei das guerras do imperador; que em Cortes, na presença de muitos príncipes e grandes senhores da Boémia e da Áustria, foi eleito rei da Hungria, o infante D. Fernando, que determinava ir-se coroar à Boémia. 1527-01-06. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 35, n.º 64.
  • Carta de Damião de Góis, embaixador em Flandres, dando parte ao infante D. Fernando que naquela Armada remetia as coisas que lhe mandava pedir e que a tapeçaria, por não estar feita, se ficava fazendo. 1530-08-22.Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 45, n.º 107.
  • Carta de Damião de Góis, embaixador de Flandres, dando parte ao infante Dom Fernando da tapeçaria que lhe tinha mandado fazer. 1530-08-28. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 45, n.º 113.
  • Mandado do infante-cardeal para que o seu tesoureiro tome em pagamento a Jerónimo Fernandes e a Diogo Gomes, rendeiros do Mosteiro de Alcobaça, 2.000 réis a cada um que lhe devia Damião de Góis, conteúdo na petição inclusa. 1538-02-15. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 60, n.º 114.
  • em que se encontrava o Arquivo Real da Torre do Tombo.1549-02-15. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 82, n.º 53.
  • Provisão de D. Nuno Álvares Pereira, vedor da fazenda da rainha, para se dar a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, um pano de Londres verde, de 7 côvados, escrivaninha e canivetes.1550-07-28. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 84, n.º 117.
  • Alvará por que a rainha D. Catarina mandou que o seu tesoureiro desse a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, um pano verde para a mesa, uma escrevaninha com seus canivetes e tesouras douradas e uma bolsa com tentos.1553-06-14. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 90, n.º 46.
  • Alvará da rainha para se pagar a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo suas propinas.1554-03-18. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 92, n.º 37.
  • Conhecimento por que recebeu Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, em virtude do alvará da rainha, a escritura do dote que António de Teive deu a Pedro Vaz de Sequeira, fidalgo da casa do rei, e a sua mulher, Maria Pacheca, moça da Câmara. 1554-08-01. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 93, n.º 36.
  • Alvará da rainha D. Catarina em que manda Álvaro Lopes dar a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, 7 côvados de Londres de 400 réis o côvado para um pano de mesa, uma escrevaninha dourada e uma bolsa de contos que este ano, da dita senhora há-de haver.1556-03-02. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte I, mç. 97, n.º 87.
  • Mandado de D. Nuno Álvares Pereira, vedor da Fazenda da rainha, para o tesoureiro da dita senhora dar a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, um pano de Londres verde e o mais conteúdo nele, e conhecimento de quitação.1551-01-30 / 1551-02-21. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 242, n.º 51.
  • Mandado de D. Nuno Álvares Pereira, vedor da Fazenda da rainha, para o tesoureiro dar a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, um pano de Londres verde, e conhecimento de quitação. 1552-02-06. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 243, n.º 4.
  • Mandado da rainha para o tesoureiro Afonso de Zuniga dar a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, 7 côvados de Londres de 400 réis o côvado para um pano de mesa, e conhecimento de quitação.1555-08-27 / 1555-09-02.Portugal, Torre do Tombo,  Corpo Cronológico, Parte II, mç. 245, n.º 60
  • Provisão por que o rei ordena a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, que dê a Fernando Gonçalves e a Jorge Gonçalves, procuradores da vila de Jerumelo, o traslado das verbas do Foral da cidade da Guarda.1560-02-20. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 246, n.º 86
  • Provisão do rei D. Sebastião para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, dar a Vicente Esteves o traslado da doação que na mesma provisão se declara.1567-08-29. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 247, n.º 71.
  • Provisão do rei D. Sebastião para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, dar à prioresa do Mosteiro das Penitentes e à regente da Casa dos Órfãos da cidade de Lisboa o traslado dos privilégios que pedem. 1567-09-12. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 247, n.º 72.
  • Provisão do rei D. Sebastião para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, dar a D. Branca de Vilhena o traslado da doação que pretende. 1567-09-24. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 247, n.º 74.
  • Provisão do rei D. Sebastião para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, dar a Simão Correia o traslado da carta que pretende. 1567-09-27.Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 247, n.º 75.
  • Provisão do rei D. Sebastião para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, dar a Sebastião Mendes o traslado da doação que pretende.1567-11-24. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 247, n.º 77.
  • Carta do cardeal infante para Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, dar ao bispo de Miranda o traslado de vários papéis para a crónica do rei D. João III. 1570-08-30. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte II, mç. 248, n.º 4.
  • Provisão de D. Sebastião, dada pelos desembargadores do Paço, Doutores Cristóvão Mendes de Carvalho e Gaspar de Figueiredo, a Damião de Góis, guarda mor da Torre do Tombo, para que desse na forma costumada, o traslado dos assentamentos dos senhores deste reino a D. Francisco de Noronha, conde de Linhares, conforme seu requerimento.1567-11-21. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte III, mç. 18, n.º 114.
  • Provisão de D. Sebastião, dada pelos desembargadores do Paço, Doutores Duarte Carneiro Rangel e Paulo Afonso, a Damião de Góis, guarda mor da Torre do Tombo, para que desse na forma costumada, o traslado de uma carta de confirmação e nova mercê da capela, bens e nova administração, que deixou o instituidor Vasco Esteves de Gatuz, situada no mosteiro de São Francisco de Estremoz, conforme petição de D. Maria de Melo, mulher de Luís Lopes Lobo, defunto, em cujo verso consta que foi “passada”. 1568-12-31. Portugal, Torre do Tombo, Corpo Cronológico, Parte III, mç. 19, n.º 4.
  • Traslado de João Coelho d’ Almeida da Crónica do Príncipe D. João rei que foi destes Reinos segundo do nome […] composto de novo por Damião de Góis. Portugal, Torre do Tombo, Casa Fronteira e Alorna, n.º 14.
  • Índice da Crónica do rei D. Manuel composta por Damião de Góis. Portugal, Torre do Tombo, Casa Fronteira e Alorna, n.º 15, p. 405-641.
  • “Livro velho das linhagens de Portugal que até ao tempo de el-rei D. Henrique está na Torre, de que trata Damião de Góis…”. 1650]-[1750]. Portugal, Torre do Tombo, Casa Palmela, liv. 183
  • “Livro das linhagens de Portugal, por Damião de Góis, copiado e ordenado em 1713 por Bernardo Pimenta Avelar”.1713. Portugal, Torre do Tombo, Genealogias Manuscritas, 21-E-13
  • Livro de linhagens de Portugal, por Damião de Góis. 1739. Portugal, Torre do Tombo, Livros de Linhagens, n.º 157
  • Crónica de D. Manuel I: partes I e II, por Damião de Góis.1558. Portugal, Torre do Tombo, Crónicas n.º 20.
  • Crónica de D. Manuel I: partes III e IV, por Damião de Góis. Portugal, Torre do Tombo, Crónicas n.º 21.
  • Fragmento de petição de Damião de Góis. Portugal, Torre do Tombo, Fragmentos, cx. 6, mç. 1, n.º 103.
  • Auto que mandou fazer o doutor Manuel Jácome Bravo, vereador da cidade de Lisboa e guarda-mor da Torre do Tombo, e que Gregório Mascarenhas Homem, desembargador da Casa da Suplicação, continuou, sobre o desaparecimento na dita Torre do Livro de Linhagens feito por Damião de Góis.1633-11-08 / 1638-07-05. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 10, mç. 5, n.º 2.
  • Provisão de D. João IV, passada a requerimento de Gregório de Mascarenhas Homem, fidalgo, desembargador da Casa da Suplicação e guarda-mor da Torre do Tombo, para que pudesse meter o Livro de linhagens de Portugal, composto por Damião de Góis, na dita Torre, em virtude de se ter desencaminhado o original .1641-09-16. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 10, mç. 5, n.º 34.
  • Certidão de duas cartas concedidas por D. Manuel I e por D. João III a Jerónimo Rodrigues, pai de Cristóvão Rodrigues, cidadão do Porto, passada por carta régia de D. João III a Damião de Góis, guarda-mor da Torre do Tombo, sendo escrivão Cristóvão de Benavente, mestre em artes. 1557-05-11. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 16, mç. 5, n.º 6.
  • Alvará para que Damião de Góis mandasse registar na Torre do Tombo a carta do cardeal Infante D. Henrique pela qual era criado dois benefícios na igreja de São Pedro da vila de Terena, arcebispado de Évora.1562-09-16. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 19, mç. 7, n.º 21.
  • Alvará de D. João III a Damião de Góis a respeito de documentos que se achavam na Torre do Tombo pertencentes aos Contos da [Mesa]. 1552-07-05. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 2, mç. 10, n.º 14.
  • Carta de Damião de Góis a D. Catarina a respeito dos livros de sua fazenda que mandara guardar na Torre do Tombo.1549/02/15. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 2, mç. 11, n.º 3.
  • Cópia da carta de Damião de Góis a D. Catarina a respeito dos livros de sua fazenda que mandara guardar na Torre do Tombo, mandada fazer por ordem do Guarda-Mor da Torre do Tombo para melhor inteligência do original. 1772/10/31.Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 2, mç. 11, n.º 3A.
  • Carta de Estácio da Fonseca a Damião de Góis, na qual lhe pedia a carta que ele tinha em sua posse e que lhe fora escrita pelo Rei sobre certas diligências. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 20, mç. 10, n.º 14.
  • Carta do Rei a D. Martinho Pereira, do seu Conselho e vedor da Fazenda, a respeito da mudança de Damião de Góis para Alcáçova.1569-08-21.Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 22, mç. 3, n.º 4.
  • Carta do Rei a Damião de Góis, fidalgo e Guarda-Mor da Torre do Tombo, na qual lhe solicita o traslado autêntico de todas as bulas que os Papas tinham concedido aos reis de Portugal, seus antecessores. 1570-07-21. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 22, mç. 3, n.º 5.
  • Carta do Rei a Damião de Góis, fidalgo e Guarda-Mor da Torre do Tombo, na qual lhe ordena que fizesse o inventário de todos os papéis entregues por Pedro de Alcáçova. 1570-04-14. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 22, mç. 3, n.º 6.
  • Carta a respeito de Damião de Góis, e outro documento.1540-05-10 / 1543-04-11. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 22, mç. 3, n.º 9.
  • Carta de Damião de Góis ao Rei a respeito da feitura e do valor das moedas. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 22, mç. 4, n.º 2
  • Carta de Damião de Góis ao Rei.1536-06-12. Portugal, Torre do Tombo, Gavetas, Gav. 22, mç. 4, n.º 2A
  • “Nobiliário de Damião de Góis que está na Torre do Tombo de Lisboa, acrescentado por frei Bartolomeu de Azevedo. Tomo I”. Portugal, Torre do Tombo, Manuscritos da Livraria, n.º 0998.
  • “Nobiliário de Damião de Góis que está na Torre do Tombo de Lisboa, acrescentado por frei Bartolomeu de Azevedo. Tomo II”. Portugal, Torre do Tombo, Manuscritos da Livraria, n.º 0999.
  • Excerto de obra de Justo Lipsio ” De constantia in malis publicis, Leiden, 1584″ e da “Crónica do felicíssimo rei D. Manuel (1566-67) ” de Damião de Góis.1566 / 1584. Portugal, Torre do Tombo, Manuscritos da Livraria, n.º 2275 (14).
  • Traslado de bulas, doações e privilégios concedidos à Ordem do Templo e à Ordem de Cristo, por alvará régio de 25 de Julho de 1559, assinado por Damião de Góis e escrito por Cristóvão Benavente, para ser entregue ao Dr. Pedro Álvares, encarregado do cartório do Convento de Tomar. 1561. Portugal, Torre do Tombo, Ordem de Cristo e Convento de Tomar, liv. 7
  • Processo da Assembleia Municipal de Alenquer respeitante a deliberações sobre as Sociedades Filarmónicas e Exposição sobre Damião de Góis. 1981-03-27 / 1985-02-11. Portugal, Torre do Tombo, Secretaria de Estado da Cultura, Gabinete 1, cx. 10, n.º 1.
  • Processo referente à firma B.M. Israel, respeitante à edição de “Estudos Bibliográficos sobre Damião de Góis”. 1980-01-25 / 1982-11-17.Portugal, Torre do Tombo, Secretaria de Estado da Cultura, Gabinete 1, cx. 83, n.º 8.
  • Processo respeitante à “Comissão Organizadora do IV Centenário da Morte de Damião de Góis”, sobre uma reclamação do Reverendo Frei Francisco Leite de Faria, relativa à celebração de um contrato de edição da obra “Estudos Bibliográficos sobre Damião de Góis e a sua época”. 1978-05-15 / 1979-02-21. Portugal, Torre do Tombo, Secretaria de Estado da Cultura, Gabinete 1, cx. 169, n.º 9.
  • Processo referente à concessão de um subsídio para a publicação de três trabalhos no âmbito do IV Centenário da Morte de Damião de Góis. 1977-04-19 / 1977-12-31. Portugal, Torre do Tombo, Secretaria de Estado da Cultura, Secretaria-Geral, Fundo Fomento Cultural, Apoio Financeiro, Cx. 14, doc. 30.
 … e na Biblioteca da Torre do Tombo

  • ALMEIDA, Justino Mendes de – Damião de Góis: uma homenagem de Lisboa. José Esteves Pereira; Carlos Consiglieri. Lisboa: EPUL, 2002. Lisboa quinhentista na voz de Damião de Góis. O Humanismo de Damião de Góis / José Esteves Pereira.  Damião de Góis: uma vida, uma época / Carlos Consiglieri. ISBN 972-9027-94-3.Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, 94(469) REF.
  • AUBIN, Jean – Damião de Góis et l’archeveque d’Upsal. Paris: [s.n.],1982. Sep. de : Études. Damião de Góis, humaniste européen, vol. I. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca,SV 8838.
  • BATAILLON, Marcel – O cosmopolitismo de Damião de Góis. trad. Castelo Branco Chaves.  2a ed. Lisboa: República, 1974. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 7607.
  • BEAU, Albin Eduard – As relações germânicas do humanismo de Damião de Góis. Coimbra: Inst. Alemão da Universidade,, 1941. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 7966.
  • BELL, Aubrey F. G – Damião de Góis: um humanista português. trad. por António Álvaro Dória ; seguida das Cartas portuguesas de Damião de Góis [e memoriais escritos na prisão]. Lisboa: Império, 1942. (Novas edicões Ocidente.. Cultura literária., Estudos diversos. Série A,). Transcrição de documentos do ANTT: Corpo Cronológico; Gavetas; Inquisição de Lisboa. Bibliografia. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 7974.
  • CAMPOS, Viriato – Damião de Góis humanista, cronista e mártir. Lisboa: Centro de Estudos de Marinha, 1976. ANTT. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 1100/06.
  • CAUSAS DA MORTE DE DAMIÃO DE GOES- Causas da morte de Damião de Goes / F.E. Rodrigues Ferreira … [et.]. Alenquer: Câmara Municipal, D.L. 250846/06. Atenção: Alterar a cota no livro. Bibliografia. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 377/07.
  • EXPOSIÇÃO DAMIÃO DE GÓIS: UM HUMANISTA NA TORRE DO TOMBO, Lisboa,  AN/TT, Outubro 2002. coord. geral José Vicente Serrão; coor. exec. Diogo Gaspar. Lisboa: Instituto dos Arquivos Nacionais/Torre do Tombo, 2002. Edição realizada no âmbito do colóquio comemorativo do V centenário do Nascimento de Damião de Góis – 1502-2002. ISBN 972-8107-72-2. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, CE 395.
  • FARIA, Francisco Leite de, O.F.M. Cap. – Estudos bibliográficos sobre Damião de Góis e a sua época. Lisboa: Sec. de Estado da Cultura, 1977. XVI, 577. CNCDP. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 1378/06.
  • GÓIS, Damião de – Chronica do principe Dom Ioam, Rei que foi destes Regnos segundo do nome em que summariamente se trattam has cousas sustançiaes que nelles aconteçerão do dia de seu nascimento atte ho em que elRei dom Afonso seu pai faleçeo / composta de nouo per Damiam de Goes…. – Em Lisboa: em casa de Francisco Correa, 11 Abril 1567. No rosto “Esta taxado esta Chronica no Regno a duzentos reaes em papel & fora delle segundo ha distançia dos lugares”.  Assin: []//4,A-M//4,N//2.  Assinatura manuscrita na página de título.  Assin. ANTT: []//4, A-M//8, N//4.  Anselmo 492. D. Manuel 116.  Faria Damião de Góis 27. Henriques Bibliografia Goesiana 55. Simões 293. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca,SP 359 C.F.
  • GÓIS, Damião de – Crónica do Príncipe D. João de Damião de Góis.  Edição crítica e comentada / Graça Almeida Rodrigues. Lisboa: Universidade Nova, [D.L. 1978]. (Ciências humanas e sociais.. Investigação ; 5). Transcrição de documentos do ANTT. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 8366.
  • GÓIS, Damião de – Elencho das variantes e differenças notaveis que se encontram na primeira parte da Chronica d’El rey D. Manoel. Porto: Na Typographia particular do Visconde de Asevedo, 1866. CNCDP. Henriques Bibliografia Goesiana 50. Inocêncio 9 322. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 3130 (35), SV 7524.
  • GÓIS, Damião de – Goesiana: as cartas latinas de Damião de Goes / pub. por Joaquim de Vasconcellos. (Archeologia Artistica ; 9). Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca,SV 8831.
  • GÓIS, Damião de – Inéditos goesianos / Guilherme J.C. Henriques (Da Carnota). – Arruda dos Vinhos: Arruda editora, 2002. 2 Vols.. – Facsimile da edição de 1898. – Vol. 1: Documentos. Vol. 2: O processo na Inquisição, documentos avulsos, notas. ISBN 972-97540-2-0.  Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, 94(469).
  • GÓIS, Damião de – Ineditos goesianos; colig. e anot. por Guilherme J. C. Henriques.  Lisboa: Typ. de Vicente da Silva, 1896-1898.  2 vols. Transcrição de documentos do ANTT. Vol. 1.: Documentos.  XXX. Vol. 2.: O processo na Inquisição, documentos avulsos e notas.  XXVI, Vol. 2: O processo na Inquisição, documentos avulsos e, notas.  XXVI,  Chancelarias; Corpo Cronológico; Colecção de S. Vicente, Nobiliário de Portocarro. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 7582 – SV 7583.
  • GÓIS, Damião de – Opúsculos históricos. trad. Dias de Carvalho ; pref. Câmara Reys; [rev. Eugénio de Freitas]. Porto: Civilização, imp. 1945. (Biblioteca histórica de Portugal e Brasil. Cimélia. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 8963.
  • HIRSCH, Elisabeth Feist – Damião de Góis: the life and thought of a portuguese humanist, 1502-1574 / Elisabeth Feist Hirsch. The Hague: Martinus Nijhoff,, 1967. XVI. (International archives of the history of ideas ; 19). Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 7521.
  • MACEDO, Jorge Borges de- Damião de Góis et l’historiographie portugaise. Paris: [s.n.], 1982. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 1171/95.
  • MANSO, Paiva, Visconde de – História do Congo. Lisboa: Typ. da Academia Real das Sciencias, 1877. Transcrição de documentos do ANTT.  CNCDP. Corpo Cronológico; Gavetas; Crónica de D. Manuel  (Damião de Góis); Bulas; Cartas Missivas; Chancelaria de D. João III; Perdões e Legitimações de D. João III; Chancelaria de Filipe I e II. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca,SV 2767.
  • MARTINS, J. V. de Pina – Damião de Góis, humaniste européen / études présentées. Braga: Barbosa & Xavier, 1982. XLIII. (Centre de Recherches sur le Portugal de la Renaissance. Études. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca,SV 9210.
  • MEMÓRIAS DA ACADEMIA DAS CIÊNCIAS DE LISBOA- Memórias da Academia das Ciências de Lisboa. Classe de Letras. Lisboa: A.C.L., 1935.  Tomo 2: Contém bibliografia temática de António Baião, nomeadamente relacionada com o acervo da Torre do Tombo. PTANTT: SV 8796 (2). Alexandre Herculano e a Torre do Tombo. Boletim das Bibliotecas e Arquivos Nacionais, 1910.  O Arquivo da Torre do Tombo: sua história, corpos que o constituem e organização. Lisboa, 1905. O Guarda-Mór Damião de Góis e alguns serviços da Torre do Tombo no seu tempo. Anais das Bibliotecas e Arquivos, vol. 4, Coimbra, 1931. O Visconde de Santarém como Guarda-Mór da Torre do Tombo. Boletim das Bibliotecas e Arquivos Nacionais, Coimbra, 1908. Aditamento a “O Visconde de Santarém… “. Ibidem, Coimbra, 1910. Algumas provanças da Torre do Tombo no século XVI. Ibidem, Coimbra, 1916. Cartas inéditas do Cardeal Saraiva como Guarda-Mór da Torre do Tombo. Almanaque de Ponte de Lima, 1924. O Cardeal Saraiva como Guarda-Mór da Torre do Tombo. Anais das Bibliotecas e Arquivos, vol. 8, Lisboa, 1928. O Arquivo Nacional da Torre do Tombo: memória para a Exposição Portuguesa em Sevilha, Lisboa, 1929. Os mais antigos índices da Torre do Tombo no seu tempo. Anais das Bibliotecas e Arquivos, vol. 9, Lisboa, 1931. O historiador Verhhagen e a Torre do Tombo. Anais das Bibliotecas e Arquivos, vol. 10, Lisboa, 1932. As certidões da Torre do Tombo no tempo do Guarda-Mór Fernão Lopes. Anais das Bibliotecas e Arquivos, Vol. 11, Lisboa, 1937. O inventário geral da Torre do Tombo: tentativas de indispensabilidade.  Anais das Bibliotecas e Arquivos, vol. 12, Lisboa, 1937. O historiador brasileiro Vernhagen na Academia e na Torre do Tombo. Memórias da Classe de Letras, tomo 5, Lisboa, 1951. Gama Barros na Torre do Tombo e a sua grande colaboradora. Revista Portuguesa de História, tomo 4, Coimbra, 1949 . Na Torre do Tombo seiscentista. Brotéria, nº 54, Lisboa, 1952. A segunda incorporação de pergaminhos coimbrãos na Torre do Tombo. Arquivo Coimbrão, vol, 14, Coimbra, 1956. Mais um documento da Torre do Tombo acerca de Pedro Nunes. Boletim da 2ª Classe da Academia das Ciências,  vol. 13, Março 1919. Tomo I, Tomo VIII, Tomo X, Tomo XI, Tomo XII, Tomo XIII, Tomo XIV,  Tomo XV. ISSN 0378-116X. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 4023 – SV 4028.
  • MENDONÇA, A. P. Lopes de – Damião de Goes e a inquisição de Portugal: estudo biographico. Lisboa: Typ. da Academia Real das Sciencias, 1859. Ex-líbris de Victor d’Ávila Perez. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 2924.
  • O mundo de Pedro Nunes e de Damião de Góis: a diferença dos olhares entre o inovar e o resistir 1502-1578. Lisboa: Comissão Nacional  para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses, 2002. ISBN 972-787-063-5. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, CE 391.
  • O PROCESSO DE DAMIÃO DE GOES NA INQUISIÇÃO – introdução, actualização ortográfica, pontuação e notas de Raul Rêgo. Lisboa: Edições Excelsior, [1971]. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 7579.
  • PEREIRA, Isaías da Rosa – O processo de Damião de Góis na Inquisição de Lisboa: 4 de Abril de 1571 – 16 de Dezembro de 1572. Lisboa: Academia Portuguesa da História, 1975. Sep. dos ” Anais”,  2a série, v. 23,  tomo I. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 9444 (37).
  • PRESTAGE, Edgar – Crítica contemporânea à Crónica de D. Manuel de Damião de Góis: ms. do Museu Britânico publicado e anotado. In: Arquivo Histórico Português.  Vol. 9 (1914). Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 7523.
  • RIBEIRO, Mário de Sampaio- Damião de Góis na Livraria Real da Música- Lisboa: Associação dos Arqueólogos Portugueses, 1935. (Achegas para a história da música em Portugal ; 2). Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 1152/95.
  • TORRES, Amadeu – Noese e crise na epistolografia latina Góisiana. Paris: Fundação Calouste Gulbenkian. Centro Cultural Português, 1982. Contém bibliografia. 1o v.: As cartas latinas de Damião de Góis: introdução, texto crítico e versão / pref. José V. de Pina Martins. 1982. 2o v.: Damião de Góis na mundividência do Renascimento: análise ideológica, estético-linguística, apêndice diplomático. 1982. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 9213 – SV 9214
  • VITERBO, Sousa- Artes e artistas em Portugal: contribuições para a história das artes e indústrias portuguezas. Lisboa: Livraria Ferreira, 1892. Transcrição de documentos do ANTT. Pintura: Chancelaria de D. Afonso VI.  Tapeçaria: Documentos Remetidos da Índia…, tomo III, p. 119; Carta de Damião de Góis, in: Corpo Cronológico, parte 1ª. Ourivesaria: Corpo Cronológico, parte 1ª . – Construções Navais: Corpo Cronológico, parte 1º; Cartas de Afonso de Albuquerque, 1º vol.: Livros das Monções, tomo 1º e 2º. Armarias e Arsenais: Corpo Cronológico, parte 1ª; tombo do Estado da Índia. Porta do Sol em Coimbra: Forais Antigos, mç 12. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca, SV 1418-A.
  • VITERBO, Sousa- Damião de Goes e D. António Pinheiro: apontamentos para a biographia do chronista de D. Manuel. Coimbra: Imprensa da Universidade, 1895. Transcrição de documentos do ANTT. Corpo Cronológio; Chancelaria de D. João III; Chancelaria da Ordem de Cristo; Chancelaria de D. Sebastião; Chancelaria de Filipe I; Gaveta 2ª. Portugal, Torre do Tombo, Biblioteca,SV 1416 (1).

 

Última Actualização: 8 de Abril de 2021