Saltar os Menus

Felizmente há luar | 200 anos da execução de Gomes Freire de Andrade

Gomes Freire de Andrade tornou-se um símbolo dos defensores do ideário liberal e da luta contra o domínio britânico em Portugal ao ser executado naquela tarde de 18 de outubro de 1817, sob a acusação não provada de liderar uma conspiração. O movimento liberal ganhará força e vingará em 1820 abrindo caminho à abolição da Pena de Morte, em 1852 para crimes políticos e em 1867 para crimes civis.

No ano em que se assinalam os 150 anos sobre esse ato pioneiro que foi o da publicação da Lei da Abolição da Pena de morte em Portugal e os 200 anos da execução do general Gomes Freire de Andrade, o Arquivo Nacional da Torre do Tombo apresenta uma mostra do seu acervo documental com informação relevante sobre este personagem marcante da História de Portugal do século XIX.

Veja a exposição virtual

 

Descubra mais na Torre do Tombo…

Gomes Freire de Andrade foi um nome utilizado por diversos elementos da família: avô e primos. Alguns destes documentos são referentes a esses elementos.

… e na Biblioteca da Torre do Tombo

 

Última Actualização: 13 de Novembro de 2017