Saltar os Menus

Diogo do Couto e a Torre do Tombo de Goa

Nasceu em Lisboa, cerca do ano de 1542, filho dos nobres Gaspar do Couto e de Isabel de Serrã de Calvos. Embarcou para a Índia em 1559, na condição de soldado, onde militou durante 10 anos. O rei Filipe I nomeou-o, em 1595, cronista oficial da Ásia Portuguesa, para dar continuidade às Décadas da Ásia de João de Barros, e guarda-mor da Torre do Tombo de Goa, a quem competia organizar o novo arquivo.

Morreu em Goa a 10 de dezembro de 1616.


PT-ANTT-INV-10154

Veja a descrição deste quadro:

Descubra mais na Torre do Tombo…

PT-TT-MSLIV-0537_m0001

Manuscritos da Livraria, n.º 537

PT-TT-MSLIV-0443_m0133V

Manuscritos da Livraria, n.º 443

 

PT-TT-MSLIV-0443_m0329V pormenor

Assinatura de Diogo do Couto

 

… e na Biblioteca da Torre do Tombo

Última Actualização: 27 de Fevereiro de 2017
Arquivo Nacional Torre do Tombo